3 de mar de 2015

As vezes cansa


Cansa a dieta que você fez por meses, e se você come um pedaço de pizza ganha de volta todo o peso que perdeu! Em um dia ! 
Cansa estudar um livro inteiro e na hora da prova cair uma questão sobre a única página que você deixou de ler.
Cansa arrumar bagunça todos os dias e no único dia que você não quer fazer nada ser chamada de preguiçosa.
Cansa acordar cedo, ir pra academia , trabalhar e estudar todos os dias e ainda arrumar tempo pra ter um cabelo bonito, pele hidratada, boa alimentação e paz de espirito.
Cansa fazer tudo sozinha, carregar mochila pesada na chuva, pegar metro lotado, gastar o dinheiro que sobra para as necessidades do gato, lidar com gente ignorante, dizer bom dia e sorrir sem ter resposta.
Cansa a burocracia, os métodos, o sistema, os preços injustos, os impostos altos, a falta de igualdade.
Cansa a falta de bateria no celular quando você mais precisa fazer uma ligação.
Cansa a falta de opções vegetarianas e saudáveis nos restaurantes da cidade, então, além da mochila pesada, ainda tem que levar comida na bolsa e torcer para que não esteja estragada quando a fome bater.
Cansa tentar explicar e ninguém entender.
Cansa tomar remédio e continuar doente.
Cansa sair da sua rotina, da sua casa, para querer fazer o melhor que você pode, se esforçar ao máximo para ser alguém melhor e não obter reconhecimento por isso.
Cansa explicar, falar, brigar, discutir, chorar.


CANSA!

As vezes a gente só precisa ligar o foda-se e ter um tempo para nós.
As vezes a gente precisa deitar e ouvir uma música que faça o coração bater mais devagar por alguns minutos.
Esqueça da sua vida maluca se for capaz e depois retorne à ela para ficar mais louco ainda.
Apesar de tudo, no fundo sabemos que nenhum resultado é imediato e nenhuma guerra termina em dois dias.
Apesar de tudo, sabemos que não adianta gritar, fugir, sair correndo como eu sempre fiz.
Vivemos o suficiente para entender os caminhos tortuosos porém simples da vida e a regra é muito clara : 
Você colhe aquilo que planta.
E é por esta e outras razões que eu e milhares de pessoas não desistimos. 
É preciso continuar, mesmo que o peso esteja machucando as costas, mesmo que tudo esteja errado, mesmo que as vezes tudo pareça não valer mais a pena.
A luta deve ser constante e diária.
Se esquecermos disso, a insanidade vira nossa melhor amiga.
Temos que dar um jeito de achar a felicidade no meio da loucura, os sorrisos no meio de uma multidão cansada, as escapadas para um sonho acordado nos intervalos da correria.
Então sorrimos, mesmo sem ter a felicidade dentro de nós, treinamos para quando ela chegar, praticamos estes atos com o desejo profundo de atrair isso para nossa vida de algum jeito.

E apesar de tudo, apesar de sabermos tudo isso, mesmo assim, as vezes cansa ...