27 de out de 2012

Meu coração está em NY




Eu sinto falta de ler meus livros na floresta depois de um longo dia de sentimentos variados ao lado das minhas crianças. Com elas eu aprendi a ser mais paciente e menos egoísta e mais uma lista de qualidades que eu demoraria horas para descrever. Sinto falta dos sorrisos e dos risos, saudades do barulho da bagunça, do cheiro da casa. Sinto falta de andar de bicicleta sem destino . Sinto saudades da tranquilidade da ilha e da agitação da cidade que nunca dorme. Eu tive tudo que eu queria, romance , aventura , drama e até terror. Tive dias nos quais eu me senti invencível e dias em que eu me senti o ser mais frágil e vulnerável do mundo. Fui a vitima e o herói da minha própria historia. Eu vivi um sonho antigo, eu vivi na realidade uma historia linda que eu passei muitas noites acordada escrevendo. Paguei um preço muito alto por tudo isso mas se vocês querem saber eu faria TUDO de novo. Eu posso dizer que eu vivi o melhor ano da minha vida e toda a experiência que eu obtive tem valor inestimável na escala do que eu considero importante na minha vida e isso é algo que ninguém jamais vai tirar de mim . Deixei metade do meu coração em NY e eu não vejo a hora de poder voltar pra busca-la.